domingo, 19 de junho de 2011

Fincando raízes


Este adorável animal cujo os olhos me fascinam não possuem hábitos migratórios como muitos pássaros aquáticos,eles passam a sua vida interia no local onde nascem, lá fincam raízes e vivem o resto de suas vidas, o que é curioso, visto que uma característica dos pássaros é explorar novos territórios. Além disso, costumam trabalhar em grupo, como procurar alimentos e construir o ninho. Até mesmo o ninho construído, o cuidado em protegê-lo é tanto da fêmea como do macho, o que mais me chamou a atenção nesta espécie.
O cisne negro da imagem foi fotografado no Parque Ibirapuera enquanto eu fazia uma caminhada de manhã.

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Provações

Faz bastante tempo que não passo por aqui, na verdade até pensei em fechar a conta.
Não só faltou-me inspiração durante esse tempo todo como refleti sobre uma série de coisas sobre a vida. Na verdade nós seres humanos somos muito complexos, complexos porque complicamos tudo em nossas vidas. Passei por alguns problemas, decepções e tristezas que me desanimaram um bocado, no entante se formos entender de fato a palavra PROBLEMA, acredito que tenha um siginificado bem maior do que eu a interpreto. Meus problemas são tão insiginificantes diante do que acontece com o mundo e como eu vejo tudo dramaticamente, dou ênfase ao que na verdade é apenas uma provação terrena.
O fato é que se afugentar de tais situações ou fechar os olhos para elas não os solucionam.
Aqui estou eu entendendo que a vida é feita de provas e expiações e cabe a nós cumprí-las ou não, portanto encare os as suas provações de frente. É ruim lembrar que talvez não conseguimos por não termos tentado, pense nisso.



...E começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida
e olhos adiante, com a graça de um adulto
e não com a tristeza de uma criança.
...Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem
que poderíamos conquistar, se não fosse o medo de tentar
William Shakespeare

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Flores em minha vida


Crisântemo é uma flor que sempre me encantou, só não ganha do lírio que sempre me fascinou e que infleizmente não são cultivados aqui no Nordete, eu mesma já tentei e não tive sucesso, eles não duram mais que 3 semanas
Eu sempre gostei muito de admirar a beleza das flores, mas confesso que quando mais nova tinha uma certa preguiça de cuidar dessas criações divinas. Hoje elas são uma das minhas paixões em casa e adoro cuidar, cultivar e tê-las em minha vida pois enche a casa de cor, de vida, de perfume e acredito atrai boas vibrações.
Mas e você, me fale, qual a flor que mais te fascina?
Um beijo no coração

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Um Feliz Ano Novo cheio de luz e de sonhos


Cada final de ano me pergunto o que devo desejar para o ano vindouro, mas porque desejar?
Acredito que pelo simples fato de acreditarmos em algo que almejamos muito conquistar, além do mais, sonhar não custa nada, é de graça.
Sempre acreditei que o universo conspira a nosso favor quando acreditamos em nossos sonhos e idelizamos pensamentos positivos.
Nossa vida está cheia de tropeços, pedras no caminhos ,muros altos defíceis de escalar e não devemos desanimar diante de tais situações, na verdade nessas situações nada melhor do que ter ao nosso lado pessoas boas, lembranças boas, momentos bons, e acima de tudo acreditar, sonhar, desejar.
Desde pequena conheço um trechinho da peça de Shakespeare "Sonho de uma noite de verão" e ele diz assim:
Há quem diga que todas as noites são de sonhos.
Mas há também quem garanta que nem todas, só as de verão. No fundo, isto não tem muita importância.
O que interessa mesmo não é a noite em si, são os sonhos. Sonhos que o homem sonha sempre, em todos os lugares, em todas as épocas do ano, dormindo ou acordado.

Espero que essas poucas palavras possam ser lembradas por vocês queridos amigos, ao escalarem muros altos em 2011.
Um Feliz Ano Novo cheio de luz e de sonhos!!!

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

São só memórias...


A arte de fotografar: Misturando cores no Fotoshop...

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Dar a mão


Foto: Site O gosto do quando

Hoje irei falar de um assunto não ligado a fotografia e que nem por isso merece menos destaque.
Em blogs que costumo visitar e ler sobre o que gosto conheci o
Fundo Cristão , uma ong sem fins lucrativos, vínculo político ou religioso que trabalha com crianças. O Fundo Crstão é ligada a Child Fund International, uma insituição mundial que beneficia 15 milhões de pessoas no mundo inteiro.
E foi a apartir desse site que vi a grande importância em dar a mão, APADRINHAR e a diferença que este ato faz à vida de não apenas uma, mas de várias pessoas. Isso mesmo, quando se apadrinha uma criança do Fundo Cristão, você está beneficiando várias pessoas ao mesmo tempo, pois o recurso arrecadado é investido na comunidade com ações voltadas para educação, saúde, geração de renda e cultura.
A ação é muito válida, conheça um pouco mais, se interessse.São milhares de famílias que dependem deste ato de bondade, pense nisso.
Para conhecer e fazer o bem sem olhar a quem Site Fundo Cristão

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Daqui do alto...


Farol Preguiças, Barreirinhas-MA, sob uma nova visão.
140 degraus para conseguir o click, Ufa!

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Entre becos


Beco Catarina Mina, parte integrante do cenário arquitetônico da minha ilha
Lugar de lembranças, lugar de história...

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

Da série Fotos que amamos


Audrey Repburn, ou melhor Bonequinha de Luxo, como ela era chamada, linda e talentosa como Marylin, ambas permanecerão para sempre na história do cinema. Essa foto em P e B está mais que perfeita.
Perdoem-me mas desconheço o autor

quarta-feira, 23 de junho de 2010

À ver navios


Família...
Parece simples mas a imagem tem muito a falar, fala de amor.

sábado, 15 de maio de 2010

Paraíso


Búzios,lugar perfeito, me encantei com esse cantinho.

terça-feira, 6 de abril de 2010

Da série: Fotos que amamos


Fonte: uol

Norma Dean, ou melhor, Marilin Monroe no filme O pecado mora ao lado, tem foto mais belíssima do que essa? acho que não

quarta-feira, 24 de março de 2010

Dona Lagartinha


Posando pra mim e devorando o jardim de mamãe.

segunda-feira, 15 de março de 2010

Cachaça paidégua



Tiquira, cahaça azulada, feita da mandioca com alto teor alcoólico, quer provar? Especiaria da minha terra.

domingo, 14 de março de 2010

O Rio de Janeiro continua lindo


Vista do Corcovado, perfeição...

quarta-feira, 3 de março de 2010

Pode entrar, a casa é sua...


Durante muito tempo em estive com esse blog parado, certas coisas em nossas vidas nós não sabemos por que fazemos, mas fazemos. Para falar a verdade nem eu mesma sei dizer o motivo ao certo,se foi o trabalho, o cansaço, a sobrecarga de mil coisas que queremos fazer e no fim acabamos por não fazer nada, mas de uma coisa eu sei ao certo, acordei hoje com uma vontade imensa de colocar pra funcionar este espaço. Pois bem, hoje eu retorno a fazer algo que sempre gostei e espero que vc goste também... Pode entrar, a casa é sua, fique a vontade e se divirta com o maravilhoso mundo da fotografia. Espero conhecer muita gente cativante, muitas imagens interessantes, espero te encontrar por aqui...Abraços calorosos
Menina da Lua

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

liberdade liberdade abra as asas sobre nós...

...E que a voz da igualdade seja sempre a nossa voz...
Credo, isso aqui tava criando teia hein, mas essa é a vida de uma assistente social que vive viajando e em suas horas vagas tenta dar uma de fotógrafa amadora, essa aí foi tirada de dentro do ferry, em alto mar, bem perto de São Luís, eles estavam voando muito próximo da janela mas sempre que eu chegava com a câmera, esse se inibia, êta bichinho tímido, foi o melhor que eu consegui, ah, esse horizonte torto foi resultado do balanço das ondas, melhor impossível, rsrsrs, abraços e muitos cliks!!!
P.S. O trechinho é samba da Imperatirz Leopodinense, mas não me lembro o ano.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Tu és divina e graciosa Capitu

video
Capitu, moça faceira e de olhos envolventes que pecou em apenas um ponto: ser bela demais.Seus vestidos de chita, rendas e bordados e seus lindos cabelos volumosos ao vento a faziam Capitu. Mas foi pelos olhos que Capitu se consagrou: “olhos de cigana oblíqua e dissimulada”, ou melhor dizendo, prefiro os “olhos de ressaca” segundo Bentinho, vulgo “Casmurro”.
Mulher de personalidade forte e envolvente, Capitu deixou na literatura brasileira marca de seus olhos profundos e inexplicáveis e características de uma mulher bem a frente de sua época. Prefiro vê-la com uma mulher de fibra e personalidade do que como Bentinho a via.

P.S. Que música apaixonante essa do seriado, ainda não a tirei da cabeça - Elephant Gun
A foto abaixo da moça de pernas faceiras é em homenagem a Capitu...

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Da janela lateral...

...do quarto de dormir
Vejo uma igreja, um sinal de glória
Vejo um muro branco e um vôo, pássaro
Vejo uma grade, um velho sinal.

Janelas da minha São Luís, estas me chamaram atenção pelas cores e o estilo colonial. São encontradas nos casarões antigos que ainda restam aqui. Surpresas e Estilo só se vê aqui.
A música é perfeita pra descrever a paisagem urbana....

Paisagem da Janela by Milton Nascimento

Da janela lateral do quarto de dormir
Vejo uma igreja, um sinal de glória
Vejo um muro branco e um vôo, pássaro
Vejo uma grade, um velho sinal

Mensageiro natural de coisas naturais
Quando eu falava dessas cores mórbidas
Quando eu falava desse homens sórdidos
Quando eu falava desse temporal
Você não escutou

Você não quer acreditar
Mas isso é tão normal
Você não quis acreditar
Que eu apenas era

Cavaleiro marginal lavado em ribeirão
Cavaleiro negro que viveu mistérios
Cavaleiro e senhor de casa e árvores
Sem querer descanso nem dominical

Cavaleiro marginal banhado em ribeirão
Conhecia as torres e os cemitérios
Conhecia os homens e os seus velórios
Quando olhava da janela lateral
Do quarto de dormir

ZzzzzZzzzzz...

Para embalar os teus sonhos...

Redes de todas as formas e cores no Reviver, São Luís - MA.
P.S. Fazendo um tour pela minha cidade, pois a beleza da minha ilha é incansável...

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

A minha metade...



A minha metade
Me acalenta
Me completa
Me preenche
Me faz...

Só a minha metade
Que me enche
De amor
De paz
De fervor
De vontade

É a minha metade
Que me fascina
Que me enche
De prazer
De alegria
E anula minha ansiedade

Sem a minha metade
Sou tristeza
Sou silêncio
Sou vazio
Sou apenas saudade

Com a minha metade
Sou completa
Sou toda
Sou inteiro
Sou intensidade
Não sou parte
Sou pedaço
Preenchido
Pela tua metade

By Menina da Lua
Para a minha metade

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Da minha terra..



Cachaças da minha terra
Aqui você encontra de tudo, para todos os gostos e todos os problemas.Se é encanto ou mandinga não sei, só sei que tomando, tudo melhora.
Basta informar o vendedor sobre o que te incomoda, e seja qual for incômodo, acredite,aqui na ilha, há uma cachacinha para ele.(clique na foto e veja alguns desses problemas, talvez você encontra a cachaça mais indicada pro que te aflige)
Enquanto isso vou clicando minha ilha de encantos e toadas.
Bjocas da minha terra!!!

Boizinhos aos povos...


Me levaram o boi bumbá pra dançar, eu dancei
Me deram catuaba pra provar, aprovei
me deram um cigarrim pra fumar
Menino como eu gostei...


Boizinhos da sorte, artesanato mais que tradicional da minha terra, quem vem aqui não volta sem um pendurado no carro, na mochila, na roupa, seja onde for. Pode ser encontrado no Centro Histórico da ilha de São Luís, suas cores e modelos são os mais lindos e variados possíveis.
Ele traz sorte, proteção e tudo de positivo:
No carro: proteção
Na bolsa: dinheiro
Na geladeira: abundância
Em baixo do travesseiro: boa noite de sono
No bolso (lado esquerdo do peito): amor
Ah, o trechinho da música la em cima, é de Zeca Baleiro, "Pedra de Responsa", a cara da ilha.
Bjuss e click!

domingo, 31 de agosto de 2008

A tempestade

Quando tudo está perdido sempre existe um caminho
Quando tudo está perdido sempre existe uma luz
Mas não me diga isso
Hoje a tristeza não é passageira
Hoje fiquei com febre a tarde inteira...



Poxa, eu quase sumi completamente daki, não abandonei não, mas esses dias estavam impossíveis de eu conseguir sentar pra fazer algo que não fosse do serviço ou do curso, corrido demais. Agora voltei com todo gás, para os que curtem o photografos.com, também tô atualizando por lá.
Sim, sobre a foto, essa foto tem o nome de A tempestade porque sempre que eu a vejo lembro do álbum de Legião Urbana: A Tempestade, é triste como todas músicas compostas por Renato Russo no CD, foi tirada em uma de minhas viagens e meu namorado deu-me a idéia de colocá-la em P e B, ótima dica, combinou com o estilo meio outono da árvore.
Próximas postagens... logo logo
Bjus

terça-feira, 22 de julho de 2008

Eu quero ver o pôr do sol, lindo como ele só...

...E gente pra ver e viajar no seu mar de raio...



Agora sim,o sol resoveu posar pra mim, depois de várias tentativas junto ao meu fofuxo na Ponta D'areia, essa aí foi uma que gostamos muito, apesar de várias terem sido descartadas, só não foi tão bom porque nessa horinha veio uma chuva não sei da onde e não sei como pois com esse sol lindo ficou até difícil de acreditar, então fomos obrigados a correr e forçadamente encerrarmos os clicks. Espero que gostem dos meus novos clicks!!! AH !!! só pra não esquecer, embaixo tem Lilás de Djavan, trilha sonora pra essa fotinha aí...bjuuuu!


Amanhã outro dia
Lua sai ventania
Abraça uma nuvem que passa no ar
Beija brinca e deixa passar
E no ar de outro dia
Meu olhar surgia
Nas pontas de estrelas perdidas no mar
Pra chover de emoção trovejar
Raio se libertou clareou muito mais
Se encantou pela cor lilás
Prata na luz do amor céu azul
Eu quero ver o pôr-do-sol
Lindo como ele só
E gente pra ver e viajar
No seu mar de raio
Eu quero ver o pôr-do-sol
Lindo como ele só
E gente pra ver e viajar
No seu mar de raio

Djavan

quinta-feira, 17 de julho de 2008

A paz invadiu o meu coração...


...De repente me encheu de paz
Como se o vento de um tufão
Arrancasse meus pés do chão
Onde eu já não me enterro mais...


Ponta D'areia, uma das mais lindas praias da minha terra, o vento, as palmeiras, a terra, o mar, aqui na ilha tudo é belo, definitivamente, "Ponta D'areia, Olho Dágua e Araçagy, mesmo estando na Raposa, eu sempre vou ouvir, a natureza me falando que o amor nasceu aqui", por isso não é atoa que és chamada de Ilha do Amor. Abaixo Ilha Magnética de César Nascimento, música perfeita pra descrever a linda São Luís.

Á que horizonte belo
De se refletir
Outro dia me disseram
Que o amor nasceu aqui

Saio de trás do sol com o jeito de gurí
Tanto novo como leve o amor nasceu aqui(2 vezes)

Ponta da areia, olho d'água e araçagi
mesmo estando na Raposa
eu sempre vou ouvir
a natureza me falando que o amor nasceu aqui(2 vezes)

Ah que ilha inexata quando toca o coração,
eu te toco e tu me tocas
cai nas cordas do violão
e se um dia eu for embora
para bem longe deste chão
eu jamais te esquecerei
São luis do Maranhão eu jamais te esquecerei
São luis do Maranhão
eu jamais te esquecerei
São luis do Maranhão

quinta-feira, 10 de julho de 2008

Catirina que só quer comer da língua do boi...


"Meu bem eu cheguei agora
mais eu te peço
tu não vá chorar
Por favor, me dê a sua mão
Entra no meu cordão
Venha participar"


O bumba-meu-boi é um símbolo do nosso festejo junino e conta a história de Pai Francisco e de sua esposa Catirina que vivem na fazenda de um grande senhor.
A história começa com Catirina grávida e, como toda grávida que se preze, tem desejos. Coisa normal se não fosse apenas por um pequeno detalhe: ela tem o desejo de comer a língua de um boi – e não de um boi qualquer, mas a língua do boi preferido do patrão.
Pai Francisco fica no maior aperreio com a mulher pressionando dia e noite, se lamentando a todo instante, querendo comer uma língua do boi vistoso. Dessa forma, até a possibilidade de cometer o crime de machucar o boi preferido do patrão passa a ser considerada seriamente pelo pobre homem. Pai Francisco decide que vai abater o boi e tirar-lhe a língua para satisfazer o desejo de Catirina.
Na calada da noite,Pai Francisco audaciosamente rouba o boi preferido do patrão e o arrasta para um lugar. Prestes a concluir a matança e tirar a tão desejada língua do boi, Pai Francisco é descoberto por um capataz do patrão.
Pai Francisco é preso, mas tenta de todas as maneiras negar o mal-feito ao boi do patrão. Ele é intimado a dar conta do boi, sob pena de ser morto.
Para sorte de Pai Francisco, ele é figura muito querida, e por isso todos da fazenda se mobilizam para ajudá-lo a salvar o boi, que nesse meio tempo agoniza lentamente. São chamados de longe os pajés e os doutores, e depois de muito drama e incerteza, o boi é finalmente ressuscitado. A alegria é geral, contagiante: o boi está salvo e Pai Francisco também.

Em homenagem a esse feito, os cantadores tiram as mais belas toadas sobre a história do boi que tornou-se símbolo da cultura maranhense. E essa história termina nos arraiais, acompanhada de muita dança, bandeirolas, vatapá e baião.

Olha pro céu meu amor, vê como ele tá lindo...


...Olha aquele balão multicor, que lá no céu vai sumindo...


Mais uma da minha cultura maravilhosa. Traços e detalhes nordestinos. As vestimentas, os ritmos e as cores mostram que o São João do Maranhão é riquíssimo em cultura, história e muita beleza. O trechinho da letra acima é de Luiz Gonzaga e eu não poderia deixar de postar pois é uma letra linda que adoro. Acho que irás lembrar!!!

Olha Pro Céu

Olha pro céu, meu amor
Vê como ele está lindo
Olha praquele balão multicor
Como no céu vai sumindo
Foi numa noite, igual a esta
Que tu me deste o teu coração
O céu estava, assim em festa
Pois era noite de São João
Havia balões no ar
Xóte, baião no salão
E no terreiro
O teu olhar, que incendiou
Meu coração.

Luíz Gonzaga

Não importa a noite, de qualquer maneira nós vamos brincar...



Barra da saia da dançarina do Barriquinha, rendas e detalhes maravilhosos que compôe a cultura da minha terra.Beleza assim só se vê aqui. O Maranhão é o que há de melhor em termo de folclore. Se ainda não conhece, precisa conhecer.

"...Urrou, urrou, meu novilho brasileiro que a natureza criou”




Boi Barriquinha, típico da minha terra. O boi é composto apenas por crianças.Essa foto foi tirada no Arraial do Maranhão e tive a oportunidade de pegar o boizinho de frente,que foi uma grande sorte visto que o vaqueiro não parava quieto...Espero que gostem da minha cultura...bjus e esperem mais clicks!!!

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Nunca é tarde para tentarmos de novo


Para refletirmos...

Acorde de bem com a vida, esqueça o dia de ontem, não alcançou o que você queria? O dia apenas começou, nunca é tarde para tentarmos de novo.
Tire a tristeza do olhar, ponha um sorriso no rosto, diga a quem você ama o quanto você o ama. Sorria sozinho, se alguém estranhar, não ligue. Fale besteira, conte coisas boas, não lamente o que não deu certo, pois hoje pode dar certo, afinal de contas nunca é tarde para tentarmos de novo.
Seja produtivo, não passe o dia sem fazer nada, vá em busca de seus sonhos, seja ousado, arrisque, tens medo? não tenhas, pois nunca é tarde para tentarmos de novo.
Diga coisas boas, elogie seus amigos, mas não espere elogios, dê sem esperar receber, tudo de bom que oferecemos recebemos em dobro, então, cedo ou tarde, vais receber, achas tarde para isso? Na verdade, nunca é tarde para tentarmos de novo.
Tenha pensamentos positivos, digas que vai conseguir, tudo o que pensamos, bom ou ruim, acaba se materializando, já tentou fazê-lo e não deu certo? tente outra vez, pois nunca é tarde para tentarmos de novo.
Não espere datas comemorativas para sentir-se belo, comece a amar-se de agora, olhe-se no espelho, diga que lhe ama. Sente-se feio demais hoje pra isso? não tem problema, tente amanhã, afinal de contas, nunca é tarde para tentarmos de novo.
Peça desculpas, acima de tudo, seja humilde. Infelizmente magoamos muitas pessoas que amamos sem pensar, mas cabe a nós também o dever de assumir o erro. És muito orgulhoso para isso? Reflita e um dia crie coragem, pois nunca é tarde para tentarmos de novo.
Não apague da sua vida pessoas que lhe fizeram bem, durante nossa jornada terrena, precisamos de pessoas boas ao nosso lado, não as esqueça, ligue para elas, mande um e-mail. Achas tarde para isso? não ache, nunca é tarde para tentarmos de novo.
Tivestes uma grande decepção? Não desanime, se desanimar, corres um grande risco de ocorrer de novo, lembre-se: "pensamentos positivos atraem situaçãoes positivas". A dor só será por hoje,amanhã você acordará melhor e poderá tentar outra vez pois nunca é tarde para tentarmos de novo.
Nossa vida é um grande Roda Gigante. Hoje estamos em cima, amanhã em baixo. Hoje perdemos, amanhã ganhamos. Hoje sorrimos, amanhã choramos. É mesmo cheia de altos e baixos e justamente nesses baixos que devemos ter equilíbrio e vontade de darmos a volta por cima. Se desanimarmos em apenas uma tentativa, o que será de nós? tudo estagnará e nada progredirá. Nada em nossa vidas ocorre por acaso, tudo está em seu perfeito lugar com seu devido objetivo. O universo flui a nosso favor quando somos persistentes. Sempre há uma segunda chance, pois não devemos jamais esquecer que... Nunca é tarde para tentarmos de novo.

P.S> Autoria: Menina da Lua; Quando: às 20:53,após chegar em casa inspirada para escrever. rsrsrs.

domingo, 8 de junho de 2008

Huuummm! Cheirinho bom...


Indo ao encontro da florzinha. Foto difícil de ser tirada pois ele não parava quieto, foi preciso por no automático e tirar várias vezes, essa foi a que teve um ângulo melhor. O cenário é o jardim da minha casa, que a cada dia que passa mais se parece com uma selva, rsrsrsrs. Espero que gostem...Bjus

sábado, 24 de maio de 2008

Cores do céu

“Cores do mar,
festa do sol
vida é fazer
todo o sonho brilhar,
ser feliz
no teu colo dormir
e depois acordar...”

Mais uma tentativa frustrante de fotografar o pôr do sol, mas esse resultado foi mais satisfatório do que a "pelada ao pôr do sol", (que tá aqui embaixo). Tardezinha na praia de São Marcos e mais uma vez lá se vai o sol, conversa vai conversa vem e o deixei ir embora. Novamente....só o jogo de cores no céu me restou para fotografar, porém a composição dos navios e a onda do mar deram esse tcham e salvaram minha foto não acham!?!
Bom, a próxima que eu postar espero ser do sol se pondo por inteiro, aí sim posto com orgulho. Beijus e muitos clicks!!!
P.S. pra quem não conhece a música se chama Papel Machê (linda) e é composição de João Bosco.

Todo mundo espera alguma coisa de um sábado à noite...



Segunda, terça, quarta, quinta e sexta passam e eu nem vejo. Sábado é um dia maravilhoso pra se esperar boas coisas: descanso, rever amigos, sair pra passear, dar beijinho no amor, comer pizza, ir ao cinema, rir, sair por aí ou não fazer nada.
Sábado é um dia esperado por todos, é especial na folhinha, dia de comemorar sempre alguma coisa. Hoje é sabado e ainda não sei o que fazer, acordei sem planos mas como é sábado sei que sempre tem algo bom a ser feito.
A verdade é todo mundo espera alguma coisa de um sábado a noite...então um ótimo sábado à todos!
Abaixo, Cidade Negra, música mais perfeita não há...

"Todo mundo espera alguma coisa
De um sábado à noite
Bem no fundo todo o mundo quer zoar

Todo mundo sonha em ter
Uma vida boa
Sábado à noite tudo pode mudar

A semana passou num piscar de olhos, e eu não vi
E o tempo que voa como o vento, não senti
Minha vida está congelada
Desde a última vez que lhe vi
Só me interessa voltar ao
ponto de onde eu parti

Passa segunda, terça e quarta-feira, Nem aí!
E na quinta e na sexta o tempo parece, repetir
Quando o sol do último dia
Ameaça se despedir
É que o povo põe uma roupa
E sai pra se distrair

Todo mundo espera alguma coisa
De um sábado à noite
Bem no fundo todo o mundo quer zoar

Todo mundo sonha em ter
Uma vida boa
Sábado à noite tudo pode mudar"

sexta-feira, 9 de maio de 2008

Pelada ao pôr do sol


Tarde ensolarada aqui na ilha, terminei meus afazeres e quando percebi tinha um sol maravilhoso se pondo, raro por esses dias visto que a chuva aqui ainda é muito frequente, queria uma vista perfeita, um pôr do sol perfeito, então pensei na Ponta D'areia, tem lugar melhor pra se presenciar um pôr do sol aqui na ilha? Enfrentei um engarrafamento de 20 minutinhos e aos poucos eu via pela janela do carro meu sol indo embora...
Não consegui o pôr do sol perfeito, nem a vista perfeita que eu queria mas consegui pegar uma pelada na praia acompanhada desse jogo de cores no céu, espero que gostem!
Abaixo uma letra pra compor a foto: Sou você - Cidade Negra

Cidade Negra - Sou Você

Mar Sob o Céu Cidade na Luz..
Mundo meu canção que eu cômpus
Tudo tudo agora é você
A minha voz que era da amplidão
Do universo da multidão
Hoje canta só por você

Minha mulher meu amor meu lugar
Antes de vc chegar era td saudade
Meu canto mudo no ar..
Faz do seu nome hj o céu...da cidade..

Lua no mar estrelas no chão
Aos seus pés entre as suas mãos
Tudo quer alcançar você..
Levanta o Sol do meu coração
Ja não vivo um minuto em vão..
Sou mais eu porque sou você..

Minha mulher meu amor meu lugar
Antes de vc chegar era td saudade
Meu canto mudo no ar..
Faz do seu nome hj o céu...da cidade..

sexta-feira, 11 de abril de 2008

A serpente encantada


Diz a lenda que na bela ilha de São Luís - MA vive uma serpente adormecida que cresce um pouco a cada dia. A sua cabeça encontra-se na Fonte do Ribeirão, a barriga encontra-se na Igreja Ducarmo e a cauda na Igreja São Pantaleão. No dia em que a serpente acordar e sua cauda encostar a cabeça, a ilha será destruída pela serpente e tragada pelo oceano.
Essa e mais outras contam a história da minha terra,o mito da serpente encantada é um dos mais conhecidos, essa foto foi tirada na Lagoa da Jansen pela tarde, a serpente é bem longa, como conta a história, portanto ficou faltando a cauda que está um pouco distante. Espero que tenham gostado da história, bjaum!

sábado, 5 de abril de 2008

Verde que te quero verde


Cachoeira bem pequena encontrada na trilha à caminho da Pedra Caída. Na foto eu esperava que saísse a água transparente que escorregava pelas pedras, porém o sol deu essa iluminação maravilhosa a água fazendo com que a cachoeira parecese um caminho de luz. No final acabei adorando o efeito.
Uma das minhas favoritas :*
Detalhe: A foto fica bem melhor vista ampliada ok!

Nos trilhos

"Minha vida é andar por este país pra ver se um dia eu descanso feliz, guardando a recordação das terras onde passei, andaddo pelos sertões e dos amigos que lá deixei..."


Tirada da janela do trem, bem pertinho da locomotiva que tava chegando. A letra de cima é de Luiz Gonzaga e se chama "A vida do viajante", carateriza bastante a vida que vou levando ultimante. Bjus e espero que apreciem meus clicks por aí à fora

domingo, 30 de março de 2008

...E vejo flores em você...


Florzinhas lindas!, foto tirada em frente ao chalé onde ficamos lá em Carolina, lugar maravilhoso, cheio de paz, vento e cherinho de natureza!

Carolina linda




Essa foto é uma das minhas preferidas, tirada na Cachoeira do itapecuruzinho, Carolina -MA, amei a cor da água, nessa foi mais fácil tirar a foto sem molhar a objetiva por causa da distância e também porque pude me esconder nesses matos aí. Paisagem mais que perfeita!

terça-feira, 18 de março de 2008

Pintura em tela




Apenas mais uma que mostra os mistérios e belezas da minha ilha. A foto foi tirada na Lagoa da Jansen, ja quase de noitinha. Ao fundo estão os casarões mais antigos da minha cidade que mostram sua luz através dos espelhos dágua.

domingo, 16 de março de 2008

Lanterna dos Afogados


Depois de um longo e tenebrosos inverno sem postar, aí vai uma fotinha que adorei ter tirado em um bar na Lagoa da Jansen, Slz-MA e pra acompanhar a letra Lanterna dos Afogados de Paralamas, abraços e espero que curtam, bjus e muitos clicks!

Quando tá escuro e ninguém te ouve
Quando chega a noite e você pode chorar
Há uma luz no túnel dos desesperados
Há um cais de porto pra quem precisa chegar
Eu tô na lanterna dos afogados
Eu tô te esperando, vê se não vai demorar
Uma noite longa por uma vida curta
Mas já não me importa basta poder te ajudar
E são tantas marcas que já fazem parte
Do que sou agora mas ainda sei me virar
Eu tô na lanterna dos afogados
Eu tô te esperando vê se não vai demorar

quinta-feira, 6 de março de 2008

Liberdade é...


"Liberdade, essa palavra que o sonho humano alimenta, que não há ninguém que explique e ninguém que não entenda" Cecília Meireles



Mas o que é ser livre?
Algumas pessoas acham que ser livre é aproveitar a vida de qualquer forma, sem ética, outros acham que ser livre é ter o domínio sobre si.Para Satre, o homem é a sua liberdade e está "condenado" a ser livre. Condenado porque não se criou a si mesmo, e como é livre, é responsável por tudo que faz. Ou seja, o homem é responsável por todos os seus atos, sejam eles providos de boas ou más intenções. O fato é que ninguém precisa agir errôneamente para adquirir sua liberdade, pois o ideal seria buscarmos formas de impedir que o mundo haja errôneamente para que assim encontremos nossa liberdade, ou seja, que possamos nos unir e lutar contra conceitos, ações ou modos de agir que nos prejudiquem e que dessa forma possamos fazer um pouquinho por cada um e não só por nós. Ajamos em pról de todos e não só de nós mesmos. A liberdade não pode ser entendida de forma individualizada mas sim coletiva. A liberdade de escolha é um direito de todos e não apenas de alguns. Pense bem...

segunda-feira, 3 de março de 2008

Eu desejo...


Na vida da gente, estamos incessantemente desejando algo, à nós mesmos ou aos outros, bom ou ruim...
Mas lembre-se sempre de que na vida tudo o desejamos aos outros, seja positivo ou negativo, estamos desejando à nós.
Abaixo vai uma letra maravilhosa de Victor Hugo que explica isso bem melhor do que eu, rsrsrs.

É ÓTIMA para refletirmos sobre nossos desejos.
Desejo primeiro que você ame, e que amando, também seja amado. e que se não for, seja breve em esquecer. E que esquecendo, não guarde mágoa. Desejo também que tenha amigos, que mesmo maus e inconseqüentes, sejam corajosos e fiéis, e que pelo menos num delesvocê possa confiar sem duvidar. E porque a vida é assim... Desejo ainda que você tenha inimigos. Nem muitos, nem poucos, mas na medida exata para que, algumas vezes, você se interpele a respeito de suas próprias certezas. E que entre eles, haja pelo menos um que seja justo, para que você não se sinta demasiado seguro. Desejo depois que você seja útil, mas não insubstituível. E que nos maus momentos, quando não restar mais nada, essa utilidade seja suficiente para manter você de pé. Desejo ainda que você seja tolerante, Não com os que erram pouco, porque isso é fácil, mas com os que erram muito eirremediavelmente, e que fazendo bom uso dessa tolerância, você sirva de exemplo aos outros. Desejo que você, sendo jovem, não amadureça depressa demais, e que sendo maduro, não insista em rejuvenescer e que sendo velho, não se dedique ao desespero. Porque cada idade tem o seu encanto. Desejo por sinal que você seja triste, não o ano todo, mas apenas um dia. Mas que nesse dia descubraque o riso diário é bom, o riso habitual é insosso e o riso constante é insano. Desejo ainda que você afague um gato, alimente um cuco e ouça o joãodebarro erguer triunfante o seu canto matinal porque, assim, você se sentirá bem por nada. Desejo, outrossim, que você tenha dinheiro, Porque é preciso ser prático. e que pelo menos uma vez por ano coloque um pouco dele na sua frente e diga isso é meu, só para que fique bem claro quem é o dono de quem. Desejo também que nenhum de seus afetos morra, por ele e por você, mas que se morrer, você possa chorarsem se lamentar e sofrer sem se culpar. Desejo por fim que você sendo homem, tenha uma boa mulher, e que sendo mulher, tenha um bom homem e que se amem hoje, amanhã e nos dias seguintes, e quando estiverem exaustos e sorridentes, ainda haja amor para recomeçar. E se tudo isso acontecer, não tenho mais nada a te desejar.
Victor Hugo

sábado, 1 de março de 2008

Trabalhador Brasileiro


Música show do Seu Jorge, perfeita pra descrever o típico trabalhador brasileiro. Espero que gostem da letra. Bjoks e muitos clicks!!!

Marmita é fria mas se precisa ir trabalhar
Essa rotina em toda firma começa às sete da manhã
Patrão reclama e manda embora quem atrasar
Trabalhador
Trabalhador brasileiro
Dentista, frentista, polícia, bombeiro
Trabalhador brasileiro
Tem gari por aí que é formado engenheiro
Trabalhador brasileiro
E sem dinheiro vai dar um jeito
Vai pro serviço
É compromisso, vai ter problema se ele faltar
Salário é pouco não dá pra nada
Desempregado também não dá
E desse jeito a vida segue sem melhorar
Garçom, garçonete, jurista, pedreiro
Trabalha igual burro e não ganha dinheiro
Trabalhador brasileiro...

sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

À espera...



À espera na janela....
Mas o que ele espera mesmo?
Alegria
Comida
Estudo
Saúde
Amigos
Brincadeira
Talvez espera a infância que não pôde usufruir, a infância que não viveu

Na estrada...

...Sem botão, no tempo, no topo, no chão
Em cada escada, a caminhada a pé, de caminhão
Seu horário nunca é cedo aonde estou
E quando escondo a minha olheira
É pra colher amor...


Apenas um registro de uma das minhas viagens à trabalho pelos interiores do Maranhão, onde infelizmente as condições de trabalho oferecidas ainda são mínimas...
Tirei essa foto de moto, indo para o assentamento de Sto Antônio, onde realizei um diagnóstico social das famílias assentadas. O assentamento fica à 30 km de Zé Doca -MA, a estrada foi difícil e cheia de obstáculos e o transporte também não ajudou muito.Detalhe: Vale dar uma olhada no retrovisor da moto....

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Infância Roubada



Hoje no Brasil nos deparamos com situações inadmissíveis. Sabemos que milhares de crianças abandonam a infância para trabalhar, ajudar nos serviços de casa e cuidar da família com uma responsabilidade imensa. Culpamos seus pais? Consideramos isso um trabalho escravo ou exploração? Infelizmente essa realidade que presenciamos mostra-se como uma necessidade da família. Por necessidades básicas que a família não pode suprir, essas crianças buscam formas de colaborar nos trabalhos rotineiros, buscando meios de ajudar os pais. Essa mesma criança que ajuda em casa, sabe que se não der de comer ao irmão, talvez ele não coma, pois seus pais saíram ainda na madrugada para começar um trabalho árduo e penoso e pouquíssimo tempo terão para assistir a todos.
Onde trabalham? Em qualquer lugar, de qualquer forma e sobre quaisquer condições, aqui o trabalho não é brincadeira, é coisa séria. São apenas meninas e meninos, mas já sabem lavar, passar, cozinhar e cuidar dos irmãos, porém infelizmente ainda não aprenderam a brincar ou a estudar.
Em milhares de países subdesenvolvidos muitas crianças estão nessa situação. São escravas do trabalho, são escravas da vida. Dessa forma ainda há muito que ser feito e o futuro dependerá do que agora fizermos.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Em breve...

Olá pessoas, atualmente venho viajando muito à trabalho e devido a isso, não me sobra tempo pra postar, porém na quinta feira estou chegando em São Luís e prometendo fotografias muito interessantes e novidades das minhas viagens , espero suas visitas aki ok.
Bjoks e muitos clicks!!!

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

Conhecimento

"A minha alma tá arma e apontada para a cara do sossego
Pois paz sem voz , paz sem voz, não é paz é medo..."
Já parou pra pensar o que levaremos após nossa partida desse mundo?Já imaginou o que seria uma vida sem conhecimento?
O aprendizado e a vida estão intimamente ligados...
Durante toda a nossa trajetória terrena adquirimos conhecimentos das mil e uma formas possíveis, descobrimos coisas , criamos, discordamos e concordamos e inúmeras vezes não nos damos conta do poder que temos em nossas mãos: o poder de mudança, de participação.
O fato é que, o conhecimento é uma arma valiosíssima que tem o poder de mudar, melhorar e abrir caminhos na nossa sociedade tão desigual, portanto cabe a nós atentarmos a futura geração sobre o valor que tem esse poderoso instrumento em nossas vidas.

sábado, 16 de fevereiro de 2008

À beira mar

Pela sua cabeleira vermelha,
Pelos raios de sol lilás
Pelo fogo do seu corpo, centelha
Pelos raios desse sol
Apenas apanhei na beira mar,
Um táxi pra estação lunar